Notícias

CVJ: Finanças anula rejeição das contas de Carlito Merss

Foto: Mauro Arthur Schlieck

As contas do município do ano de 2012, último ano de governo do prefeito Carlito Merss, devem ter nova votação no âmbito da Comissão de Finanças. Um requerimento aprovado na reunião desta quarta-feira (21) seguiu orientação da Procuradoria Jurídica da CVJ e anulou a votação do dia 2 de maio, que rejeitava as contas. A nova votação ainda não tem data.

No parecer técnico, que orientou os vereadores, a Procuradoria Jurídica argumentou que o procedimento de rejeição não abriu espaço para a defesa de Carlito Merss. Presidente de Finanças, Wilian Tonezi (Patriota) comentou que, com a anulação da votação, os vereadores estão fazendo o que é correto.

Neto Petters (Novo) acrescentou que da forma que estava havia risco de um processo judicial sobre o caso. Membros da comissão, Ana Lucia (PT) e Henrique Deckmann (MDB) também se manifestaram favoráveis à anulação e a uma nova análise dos vereadores, com espaço para a defesa de Carlito. De acordo com Tonezi, a nova votação ainda será agendada.

A rejeição

O parecer de Tonezi, que rejeitou as contas de Carlito, seguiu a orientação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que encontrou oito "restrições de ordem legal" nas contas. Uma delas foi a realização de R$ 154,4 milhões em despesas, no último ano de governo, sem dinheiro para pagamento, nem previsão de caixa para o próximo prefeito pagar.

Naquela ocasião, Tonezi citou que pesou em sua decisão o déficit de execução orçamentária, de R$ 78 milhões, e a falta de R$ 123 milhões para pagamento de servidores no ano seguinte, 2013, já no governo de Udo Döhler (MDB).(Jornalismo CVJ - Jeferson Luis dos Santos)




Jornal do Iririú

Fones: (47) 3025-4832 - 99110-4832 (WhatsApp)

E-mail imprensa@jornalbairros.com.br






Copyright © 2011. Todos os direitos reservados | Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina